Na semana passada estreou no Japão (e no mundo) a terceira temporada de Shingeki no Kyojin – Ataque dos Titãs, e quem acompanha o mangá percebeu que a história avançou num ritmo muito acelerado em comparação ao da obra orginal. Para esclarecer os motivos, o autor Hajime Isayama publicou uma mensagem para seus leitores em seu blog oficial, onde disse que essa rapidez na série foi um pedido feito por ele mesmo.

“Sinceramente, eu acho que tudo andava mais ou menos“, declarou Isayama, fazendo uma alusão aos volumes 13 a 16 de seu mangá. Para ele, essa parte menos chamativa da obra era algo que queria consertar, e percebeu isso desde as primeiras etapas de produção da nova temporada.

O autor afirmou que pediu mudanças a equipe para que tivesse uma escala aceitável de acordo com a realidade da história, e eles criaram um roteiro “mais idealizado”, onde Isayama fez parceria com Hiroshi Seko, roteirista das duas primeiras temporadas e autor do spin-off, Shingeki no Kyojin: Lost Girls. Hajime também agradeceu ao diretor Tetsuro Araki por sua colaboração, que lhes deu as diretrizes para a série, ao elenco de dubladores por dar vida aos personagens e o resto da equipe de produção.

7 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *