A Warner Bros. Japan segue promovendo o live-action de Bleach, que vem sendo muito bem avaliado pela crítica, desta vez, divulgando uma sequência completa de dois minutos. Assista:

Bleach estreou no último dia 20 nos cinemas japoneses. Vale lembrar que o filme já foi dublado em português e será lançado em breve no Brasil, com destino provável sendo a Netflix.

A Bandai Namco revelou um novo trailer de Jump Force, jogo produzido em comemoração aos 50 anos da conhecida revista Shonen Jump que irá reunir diversos personagens do mundo dos mangás em grandes batalhas. O vídeo apresenta um pouco mais dos combates e seus protagonistas. Assista:

Jump Force chega em 2019 para PlayStation 4, Xbox One e PC.

Foi divulgado pelo site oficial de Juushinki Pandora – Last Hope (Heavy Divine Unit Pandora), um novo trailer do anime original da Netflix, revelando a chegada de um novo arco do anime, que começou a partir do episódio 17 transmitido hoje no Japão. O vídeo apresenta também o próximo tema de abertura da série, “Siriuis“, na voz da banda Bump of Chicken. Assista:

Aqui no Brasil, o anime já entrou em fase de dublagem, mas não foi revelada nenhuma informação a respeito do elenco ou estúdio. Abaixo você confere um novo pôster com os personagens:

Com 26 episódios produzidos pelo estúdio Satelight (Macross Frontier, Nagato Yuki-chan no Shoushitsu), Juushinki Pandora – Last Hope estreou na Netflix do Japão dia 29 de março e em 4 de abril na TV. Seu lançamento mundial pela Netflix está previsto para acontecer entre setembro e outubro.

Em comemoração ao 21º aniversário de One Piece, o jornal japonês The Yomiuri Shimbun fez uma entrevista com o autor do mangá, Eiichiro Oda, que revelou alguns detalhes importantes a respeito da história. Sobre a duração do mangá, que já possui mais de 900 capítulos, Oda diz que é uma grande surpresa quando novos funcionários e autores na Shonen Jump comentam que nasceram depois de One Piece, mas como isso se tornou uma rotina, logo se acostumará com isso.

Ele também comentou que planejava formar uma tripulação apresentando o personagem, havendo uma luta e entrando para o bando, mas logo percebeu que eles precisavam de mais motivação e isso foi dando novas camadas a trama. Por isso, seu plano original de formar uma tripulação com dez pessoas em um ano e meio não ocorreu, ao invés disso 20 anos depois com a história 80% concluída, o bando ainda possui apenas nove integrantes.

Sobre Luffy, Oda comenta que ele é o filho ideal, e que pretende que o personagem seja como uma eterna criança e que assim ainda inspire outras crianças, apesar disso, ainda tem alguns aspectos dele que são um mistério até mesmo para o autor. Sobre seu personagem favorito, revelou ser a dupla Invankov e Bon Clay. O mangaká também agradeceu ao público feminino que está se expandindo e amam seus personagens, mesmo que ele escreva se focando para o público masculino juvenil.

Sobre a morte de Ace ter sido algo forte, o autor revelou que tinha essa preocupação, mas que era necessário para a evolução de Luffy, e que no fim a reação dos leitores superou suas expectativas. Apesar de importantes mortes ocorrerem nesse arco, afirma que não é seu desejo ilustrar e escrever cenas do tipo, ele prefere as festas pós-batalhas, e é inclusive assim que pretende finalizar o mangá. Quando questionado sobre outro ponto de virada, a mensagem 32DY que Luffy enviou, Oda disse que o Luffy com 17 anos não tinha chances contra grandes inimigos como os Yonkous, então ele usou esses dois anos para expandir a imaginação do protagonista e da tripulação enquanto evoluem e para não tornar Luffy muito adulto, mantendo as raízes shonen.

Por fim, Eiichiro foi questionado sobre sonhos. Sobre aquele do protagonista de se tornar o Rei dos Piratas, ele afirmou que Luffy tem em sua mente que quem conseguir isso será a pessoa com a maior liberdade do mundo, mas ainda assim, tem um compromisso com o próximo, porque está sempre agindo em prol de alguém, pois ajudar o faz se sentir bem. Sobre a inspiração para os sonhos de jovens leitores, ele destacou que sua maior regra é não incluir mensagens na história, mas se o leitor sentir algo ao acompanhar as aventuras de Luffy e sua tripulação, que siga aquilo, pois será uma reação individual, para 100 leitores haverá 100 reações diferentes, finalizou Oda.

A revista Shonen Jump anunciou que o anime de Boruto: Naruto Next Generations vai começar um novo arco no mês que vem dedicado a Chocho Akimichi, a filha de Choji Akimichi e Karui. Na história, a jovem e o Team 7 participam de uma missão conjunta atuando como guarda-costas de um grupo de atores de uma série, mas Chocho tem ambições maiores do que essa e planeja fazer parte da produção usando seu talento como atriz.

Com todo esse envolvimento, ela acaba se apaixonando por Tomaru, um dos atores que ela tem a missão de cuidar. Após ser ameaçado de morte, o ator passou a andar com seu guarda-costas pessoal, mas os inimigos que querem sua cabeça são em grande número, agora cabe a Choco e ao Team 7 salvar o dia.

O novo arco Boruto: Naruto Next Generations começa a ser exibido no Japão a partir do dia 2 de agosto.

A terceira e última temporada de Fairy Tail acaba de ganhar sua primeira imagem, que traz Natsu com seu característico cabelo rosa e fantasia e marca de aliança. Veja:

A terceira temporada tem estreia prevista para outubro na TV japonesa.

Quando foi anunciada, a adaptação para live-action do mangá de Bleach deixou muitos fãs da obra de Tite Kubo divididos em relação ao que esperar do projeto, mas após tantas fotos, trailers, e a promessa de ser algo no mesmo nível de Samurai X (Rurouni Kenshin), as expectativas do público, especialmente daqueles que vivem fora do Japão e no Brasil não foi diferente.

Por aqui, parte dos fãs questionava se o live-action poderia estrear nos cinemas, e para a surpresa de todos, Bleach vai realmente chegar ao Brasil. Segundo informações apuradas pelo ANMTV, o longa já foi dublado há algum tempo em São Paulo pelo estúdio Macias, sob a direção de Pedro Alcantara.

O elenco não é totalmente o mesmo do anime, devido ao fato de que algumas vozes não bateram com a dos atores japoneses, por conta disto, o distribuidor responsável pediu que fosse mantido somente as que realmente eram possíveis. O processo adotado é muito parecido com o que foi feito no live-action de Fullmetal Alchemist.

Em relação ao lançamento, podemos concluir o seguinte: como a dublagem já foi finalizada e ao que tudo indica até bem antes da estreia do no Japão, é possível que aconteça de forma surpresa na Netflix, assim como a plataforma havia feito com FMA. Pela forma que o processo foi realizado, é possível afirmar com certa previsão que o filme de fato chegará ao país pela Netflix.

Fonte: ANMTV

Após sua pequena aparição em Jogador N°1, muito se foi especulado que em breve veríamos uma adaptação de Gundam para os cinemas, e ela de fato vai acontecer, com um trabalho colaborativo entre a Legendary Pictures e Sunrise, via CBM.

Recentemente o presidente da empresa, Yasuo Miyakawa, deu uma entrevista para tranquilizar o publico sobre o rumo do projeto. Ele se mostra ciente, juntamente com as duas equipes, de todo temor e preocupação existente pela adaptação, e disse que busca fazer de forma diferente do que os outros estúdios vem apresentando com o decorrer dos anos.

A Sunrise terá a maioria (se não todo) o controle sobre o filme e a Legendary atuará como parceira e auxiliadora do projeto, deixando bem claro que essa é a maior condição para o projeto ser feito. Miyakawa concluí dizendo que graças a Circulo de Fogo, o mercado americano está aberto para esses tipos de produção e que estão no começo do trabalho, pedindo ainda o apoio e feedback de todos os fãs para tornar esta uma ótima adaptação de Mobile Suit Gundam.

Gundam não possuí data de lançamento. Até o momento, a Legendary Pictures ainda não se manifestou se vai trabalhar neste projeto em parceria com a Universal Pictures ou Warner Bros.

Após ter seu primeiro trailer divulgado na SDDC, Dragon Ball Super – Broly também ganhou sua sinopse oficial, que revela um pouco mais sobre a história do novo filme da franquia, via CBM.

“Essa é a história de um novo Saiyajin. A Terra está em paz após o Torneio do Poder. Percebendo que os universos ainda têm muitas pessoas com poderes extraordinários, Goku passa todos os dias treinando para atingir níveis ainda maiores. Então, um dia, Goku e Vegeta são confrontados por um Saiyajin chamado ‘Broly’ que eles nunca viram antes. Os Saiyajins deveriam ter sido quase que completamente destruídos na explosão do Planeta Vegeta, então o que esse está fazendo na Terra? Saiyajins que seguiram destinos completamente diferentes se encontram em uma batalha estupenda, com Freeza (de volta do inferno) no meio da batalha. ”

Dragon Ball Super: Broly chega aos cinemas japoneses em 14 de dezembro. No Brasil, o distribuição será da Fox Film, que ainda não confirmou uma data de lançamento.

O jogo para celulares de Cavaleiros do Zodíaco (Saint Seiya) da empresa chinesa Tencent Games (League of Legends), anunciado no final do ano passado, ganhou data de lançamento de sua versão definitiva.

Atualmente em fase beta, o jogo estará disponível a partir do dia 2 de agosto, com evento especial promocional na China. O estilo será o mesmo adotado nos demais jogos da Bandai, Fair Game Card, com história inspirada no mangá e anime.